25 ações indispensáveis para empreendedores que iniciam um negócio

Quando você começa um negócio próprio, começa a empreender, se depara com a necessidade de entender questões legais, financeiras, vendas, marketing, gestão , proteção de propriedade intelectual, proteção de responsabilidades, contratação de pessoal, etc, etc.etc.

Mas apesar de todas essas responsabilidades e trabalho duro pela frente, a vontade de empreender, sair da zona de conforto, fala mais alto. 

Não quer mais ficar lendo, assistindo a depoimentos e ouvindo histórias de sucesso espetaculares de empresas que também iniciaram pequenas e se tornaram milionárias, quer agora criar a sua empresa de sucesso.

E para aqueles que assim pensam e estão buscando iniciar um negócio, empreender no mercado, este post pode dar uma visão muito especial de ações a serem implementadas.

1. Entenda o compromisso e os desafios envolvidos na abertura de um negócio

Começar um negócio é um grande compromisso não só consigo mesmo, mas também com todos que fazem parte na condução do empreendimento e do mercado alvo de consumidores que pretende alcançar. Os empreendedores deverão apreciar  a quantidade significativa de tempo, recursos e energia necessários para iniciar e expandir um negócio.

Aqui estão alguns dos maiores desafios para iniciar e expandir um negócio:

  • Criar o melhor produto ou serviço, de excelente qualidade e se possível exclusivo
  • Ter um plano adequado e boa visão para o negócio
  • Ter capital e fluxo de caixa em montantes adequados
  • Criar ótima equipe de colaboradores
  • Demitir colaboradores que não se enquadram nos requisitos exigidos o mais rapidamente possível de forma a não resultar em acúmulo de responsabilidade legal
  • Jornada de trabalho muito maior do que você esperava.
  • Não ficar desencorajado por rejeições de clientes
  • Gerenciando seu tempo com eficiência
  • Manter um equilíbrio razoável entre trabalho e vida pessoal
  • Mantendo a persistência e resiliência para continuar mesmo quando as coisas ficarem difíceis.

2. Proteja seus ativos pessoais quando estiver formalizando seu negócio 

Inicie um negócio formalizando de forma a não resultar em risco de seus bens pessoais pelas dívidas e responsabilidades da empresa. 

Para isso, busque orientação de profissionais da contabilidade ou advogados que possam orientar qual a melhor forma a ser utilizada. Normalmente eles têm mais propriedade e conhecimento sobre o assunto.

Além dessas informações iniciais sobre a constituição de sua empresa, busque obter toda a assessoria necessária para as formas de utilização de contratos, faturas ou documentos usados pela corporação, e outras formalidades corporativas para a melhor gestão. 

3. Criar um bom nome para o seu negócio é fundamental

Você está começando um negócio, então o mais importante neste momento é encontrar um bom nome para sua pequena empresa. Isso pode originar um impacto significativo no sucesso do seu negócio. 

O nome inadequado, pode ocasionar obstáculos legais e comerciais às vezes difíceis de superar.

 Aqui estão algumas sugestões e dicas sobre como melhor escolher o nome para sua pequena empresa:

  • Evite nomes difíceis de soletrar.
  • Não escolha um nome que possa ser limitante à medida que sua empresa cresce.
  • Faça uma pesquisa completa na Internet sobre um nome proposto.
  • Verifique se o domínio “.com.br e .com” estão livres e faça a aquisição.
  • Tenha certeza de que você e sua equipe fiquem felizes em dizer o nome.
  • Criar cinco nomes que você goste e teste no mercado com possíveis funcionários, parceiros, investidores e clientes em potencial.

4. Concentre-se em construir um ótimo produto, mas não demore muito para lançar

Ao iniciar um negócio, seu produto ou serviço deve ser pelo menos bom, se não ótimo. Essa qualidade é o que o consumidor espera hoje no mercado. Ele faz as pesquisas e observa as avaliações dos mesmos antes de adquirir. Ao menor sinal de insatisfação dos consumidores, as perdas ocorrem. Então, deve ser diferenciado das ofertas de sua concorrência. Todo o resto decorre desse princípio-chave. Não se preocupe em colocar seu produto no mercado, é bom não demorar demais esperando aprimorá-lo, entre com o seu MVP – Produto mínimo viável e fique atento aos feedback dos clientes, é a melhor maneira de melhorar seu produto.  

5. Crie um ótimo site para sua empresa

É sua morada na internet e sua principal vitrine no online. Dedique tempo e esforço para construir um ótimo site para o seu negócio. Os consumidores, clientes e parceiros em potencial vão conferir seu site e você quer impressioná-los com um produto profissional. Aqui estão algumas dicas para construir um ótimo site de empresa quando você está iniciando um negócio:

  • Observe sites dos principais concorrentes.
  • A partir daí comece a esboçar um modelo para o seu site.
  • Selecione cinco ou seis temas de sites que você pode compartilhar com o desenvolvedor para transmitir o que você gosta.
  • Certifique-se de que o site seja otimizado para o mecanismo de pesquisa, com boas práticas de SEO. Isso vai possibilitar melhor classificação nos resultados de pesquisa nos buscadores. 
  • Produza conteúdo de boa qualidade e de interesse de seu público alvo.
  • Certifique-se de que seu site seja responsivo. 
  • Certifique-se de que o site carregue rapidamente. É motivo de melhor classificação no Google por exemplo.
  • Manter o site clean, limpo e simples; caso contrário afasta os clientes.
  • É necessário elaborar a política de privacidade e termos de uso, respeitando as regras da Lei Geral de Proteção de Dados – LGPD
  • Torne as barras de navegação excelentes.
  • Adquira e use um nome de domínio “.com.br e .com” memoráveis.
  • Torne o site com identidade visual perfeita.
  • É importante que os canais informados de contato sejam fáceis e possibilitem aos visitantes falar com você ou sua equipe e adquirir produtos.

6. Aperfeiçoe seu pitch de elevador

Um pitch de “elevador” é uma introdução breve e convincente ao seu negócio. Você deve ser capaz de modificar um pouco o seu pitch de elevador, dependendo para quem você esteja querendo alcançar  seja para potenciais investidores, clientes, funcionários ou parceiros. Aqui estão algumas dicas para desenvolver e entregar um ótimo pitch de elevador:

  • Comece tipo pé na porta.
  • Seja positivo e entusiasmado em sua entrega.
  • Lembre-se que a prática leva à perfeição.
  • Mantenha-o com 30 a 60 segundos de duração.
  • Evite usar o jargão da indústria.
  • Transmita por que seu negócio é único.
  • Lance o problema que você está resolvendo.
  • Provoque a participação ou interrupção do ouvinte – isso sinaliza que eles estão interessados ​​e querendo mais informações.

7. Deixe o negócio claro com os seus sócios fundadores

Se você está iniciando um negócio com sócios, deve concordar desde o início sobre os detalhes de seu relacionamento comercial. Não fazer isso pode causar problemas legais significativos no futuro, no caso de qualquer desentendimento. De certa forma, pense no acordo dos sócios como uma forma de “acordo pré-nupcial”. Aqui estão sugestões de termos de acordo que seu contrato de sociedade  por escrito precisa abordar:

  • Como é dividido o patrimônio entre os fundadores?
  • O percentual de propriedade está sujeito a aquisição com base na participação contínua no negócio?
  • Quais são as funções e responsabilidades de cada sócio?
  • Se um dos sócios sair, a empresa ou o outro sócio tem o direito de comprar as cotas parte desse? A que preço?
  • Quanto tempo de dedicação ao negócio é esperado de cada sócio?
  • Os sócios têm direito a pró-labore? Como pode ser alterado?
  • Como as decisões-chave e as decisões do dia-a-dia do negócio devem ser tomadas? (por consenso, maioria de votos, ou certas decisões estão exclusivamente nas mãos de um dos sócios ou em conjunto)
  • Quais ativos ou dinheiro cada fundador contribui ou investe no negócio?
  • Se decidir vender o negócio, como será feito?
  • O que acontece se um fundador não estiver atendendo às expectativas sob o acordo de sociedade? Como será resolvido?
  • Qual é o objetivo geral e a visão para o negócio?
  • Se um sócio quiser deixar o negócio, a empresa tem o direito de comprar suas cotas? A que preço?

8. Obtenha uma identificação fiscal antes de iniciar um negócio

Na criação de pessoa jurídica, você precisará da inscrição junto à Receita Federal obtendo seu número no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas – CNPJ. 

No caso de sua empresa trabalhar com compra e venda de mercadorias, também é necessário o cadastro na Receita Estadual, com o que chamamos de Inscrição Estadual. 

Para empresas de prestação de serviços o registro é no município onde a empresa está sediada, com a inscrição municipal.

9. Tenha um bom sistema de gestão 

Você precisará configurar ter um total controle da contabilidade de sua empresa para acompanhar suas finanças – receitas, despesas, lucros e perdas, etc. 

Existem várias soluções de software online que podem ser úteis nesse sentido, busque a mais adequada às suas necessidades, inclusive existem várias ferramentas sem custo ou de baixo custo.

10. Antes de contratar pessoas que formarão sua equipe de colaboradores, é bom ter informações e referências abrangentes. 

É comum para empreendedores iniciantes se depararem com dificuldades para selecionar os melhores candidatos para desempenhar as funções exigidas ou que tenham boa capacidade de trabalharem em equipe. 

Uma boa opção é se utilizar de empresas terceirizadas que prestam serviços de seleção de pessoas para preencher vagas oferecidas por pessoas qualificadas.

Caso não seja possível se utilizar dessas empresas, abaixo algumas sugestões e cuidados antes da contratação.   

Uma verificação de referência inclui:

  • Verificação de cargos e datas de emprego
  • Verificação de graus de ensino 
  • Verificação do salário inicial e final
  • Verificação do cargo e responsabilidades anteriores
  • Conversar sobre o motivo pelo qual o requerente deixou o empregador anterior
  • Conversar se possível com supervisores anteriores sobre os pontos fortes e fracos do candidato
  • Conversar com o candidato sobre a capacidade de trabalhar em grupo e se dar bem com outros funcionários e clientes
  • Conversar sobre a capacidade do candidato para assumir a nova função
  • Observar e conversar sobre questões de pontualidade e assiduidade

O que se busca nessas conversas e verificações é garantir a possibilidade de obter uma probabilidade de encaixe do candidato na cultura da empresa e ainda que ele tenha sido verdadeiro com as suas informações e seu currículo atende às necessidades da empresa para aquela vaga de emprego.

11. Considere adotar logo todas as  medidas para proteger sua propriedade intelectual

É importante proteger a propriedade intelectual da sua empresa. Ainda não é dada a prioridade necessária pelos empreendedores iniciantes em relação à proteção da propriedade intelectual.

Dá até para entender o adiamento desta etapa de investimento nos momentos iniciais, muitas vezes por achar que é um processo caro e complexo e pode ser deixado para depois.

Não raro, muitos empresários acabam perdendo direitos de propriedade, justamente por terem negligenciado, e as perdas são sempre bem maiores do que a possível economia inicial percebida. 

Aqui na plataforma Boxcis constam empresas especializadas no assunto, basta fazer uma pesquisa na categoria “marcas e patentes” entrar em contato e obter todas as informações necessárias à proteção legal de sua empresa.

Existem várias proteções de propriedade intelectual disponíveis, não vamos aqui apresentar definições de cada uma delas. Entendemos que para aqueles que sentirem a necessidade de maiores informações, poderão obter junto às empresas listadas na plataforma, conforme link acima.

As principais tipos de proteções são:

  • Patentes
  • Direitos autorais
  • Registro de Marcas
  • Segredos comerciais
  • Acordos de confidencialidade
  • Termos de serviço e política de privacidade (atendendo a nova lei LGPD)

12. Torne-se um forte vendedor

Comece por você. Para que seu negócio seja bem sucedido e próspero, seja o vendedor número um, você terá que se tornar o grande vendedor. Aprenda a vender seu negócio a todo mundo, clientes, investidores e até para sua equipe de funcionários. 

É importante uma atitude positiva, confiável e com ouvidos abertos, ouça mais e fale menos. Pratique seu discurso de vendas, obtenha feedback de tantas pessoas quanto possível, refinar seu discurso e logicamente obter vendas.

13. Entenda as Demonstrações Financeiras e Orçamentos

É importante manter o controle de suas despesas e aprender a entender completamente as demonstrações financeiras. O total controle das finanças é o fator principal de sucesso, o descontrole é a certeza de fracasso. 

Muitas pequenas empresas fracassam porque o empreendedor não consegue ajustar seus gastos para evitar ficar sem dinheiro. Estabelecer um orçamento detalhado, mês a mês, é crucial, e esse orçamento deve ser revisto sempre e com regularidade.

Compreender as suas demonstrações financeiras da mesma forma se você estivesse precisando responder a perguntas de potenciais investidores, tais como: 

  • Quais as projeções para o próximo trimestre?
  • Quais as principais premissas contidas na projeção?
  • Quando a empresa atingirá ou se já atingiu a lucratividade?
  • Quais fatores estão limitando o crescimento mais rápido?
  • Qual é o faturamento total da sua empresa?
  • Quais as principais métricas nas quais seu gerenciamento se concentra?

14. De publicidade ao seu negócio 

Para ter sucesso nos negócios, você precisa estar continuamente atraindo, construindo e até mesmo educando seu mercado-alvo. Certifique-se de que sua estratégia de marketing inclua o seguinte:

  • Aplicar os fundamentos de SEO (otimização de mecanismos de pesquisa) para que as pessoas que pesquisam seus produtos e serviços on-line possam encontrá-lo nos resultados de pesquisa.
  • Criar um perfil no Google Meu Negócio,
  • Use as mídias sociais para promover seu negócio (LinkedIn, Facebook, Twitter, Pinterest, Instagram, etc.).
  • Crie um blog com conteúdo relevante para seu público,
  • Envolva-se no marketing de conteúdo escrevendo artigos como convidado para sites relevantes.
  • Criar perfil da empresa nas plataformas de diretório de empresas locais

15. Direcione o tráfego para seu site

Embora livros inteiros tenham sido escritos sobre esse tópico, as principais maneiras de direcionar o tráfego para seu site são as seguintes:

  • Utilize o  Google para enviar tráfego (como por meio do programa Google Adwords).
  • Crie um ótimo site com muito conteúdo original de alta qualidade e otimizado para mecanismos de pesquisa.
  • Tenha um plano de mídia social inteligente para direcionar o tráfego do Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e outros sites de mídia social gratuitos, preferencialmente nas plataformas onde seus consumidores potenciais estão .
  • Obtenha links para seu site de sites de alta qualidade.

16. Descubra se a sua ideia é única e ainda não inventada

Aqui estão as principais coisas a fazer se você tiver uma ótima ideia de nova invenção:

Se nada existir e você quiser obter uma patente para sua ideia, contrate empresas ou profissionais qualificados.

17. Criar um plano de negócios sem exageros

É necessário e muito bom de se ter um plano de negócios para o desenvolvimento de sua empresa. É ali que você vai pensar e projetar seu produto ou serviço, projeção financeira, marketing, vendas e muito mais. 

O importante é não exagerar no seu plano de negócio, seja prático. A velocidade que as constantes evoluções tecnológicas e comportamentais no mercado estão ocorrendo, provocam a necessidade de estar acompanhando e fazendo as adaptações à medida que o negócio se desenvolve.

18. Garantir Capital para Financiar Seu Negócio

Entendemos que o capital é a principal fonte para o sucesso do seu empreendimento.

Garantir que em caso de necessidade ele possa estar disponível. O uso de capital de terceiros deve sempre ser bem avaliado para não pôr em risco seu negócio.

Hoje é possível encontrar no mercado, alguns recursos interessantes disponibilizados a juros baixos e em muitas oportunidades a custo zero.

  • Reservas pessoais
  • Investimentos-anjo
  • Crowdsourcing
  • Linhas de crédito para compra de equipamentos a juros baixos e de longo prazo – veja junto ao BNDES
  • Linhas de crédito disponibilizadas por programas de governos estaduais e municipais, normalmente linhas de microcrédito sem incidência de juros.
  • Outros programas de governo com recursos disponibilizados através de rede de bancos comerciais.

É bom evitar recursos, com juros altos tais como:

  • Cartões de crédito
  • Financiamentos bancários 
  • Limite de crédito em conta corrente, cheque especial.

19. Verifique com seu escritório de contabilidade quais permissões, licenças ou registros são necessários para a categoria de negócio que você quer iniciar.

De acordo com o tipo de negócio, você pode precisar de autorizações especiais e é neste momento que um bom escritório de contabilidade ou profissional do ramo poderá melhor lhe orientar em como proceder para obter as autorizações necessárias.

Existem muitos regulamentos estaduais e municipais que podem provocar esta necessidade e para evitar transtornos é melhor estar assessorado por estes profissionais qualificados. 

20. Mantenha registros apropriados para o seu negócio

É importante para o controle total do seu negócio manter o registro e guarda de demonstrações financeiras, registros fiscais junto a receita federal, estadual e municipal, faturas, contratos, contas bancárias, contas a pagar e receber, entre outras. 

Mesmo que hoje seja dispensado ao micro e pequeno negócio, o registro de contabilidade fiscal, o controle deve ser rigoroso, para que você tenha em mãos as principais informações e indicadores da sua empresa.

21. Ao iniciar um negócio, a proteção da empresa deve ser levada em conta.

Você gastou tempo e recursos para criar seu negócio, agora é tempo de proteger seu sonho adquirindo as coberturas de seguro adequadas.

Olhe atentamente para seu empreendimento e veja quais suas principais necessidades de seguro, quais riscos devem ser cobertos e valores de cobertura suficientes para garantir a continuidade da sua empresa em caso de sinistro.

Encontre corretores de seguros, você pode fazer uma busca aqui, para você ter as informações necessárias para adquirir as coberturas que vão atender às suas necessidades.

Aqui está uma lista dos tipos de seguros que podem ser adequados para o seu negócio:

  • Seguro de responsabilidade civil geral
  • Seguro de responsabilidade do produto
  • Seguro de responsabilidade profissional
  • Seguro de propriedade
  • Seguro de acidentes de trabalho
  • Seguro saúde para funcionários
  • Seguro de lucros cessantes 
  • Seguro de veículos 
  • Seguro de violação de dados/segurança cibernética
  • Seguro de vida 

22. Preste atenção aos seus contratos comerciais

Os contratos comerciais são acordos verbais ou escritos vinculativos entre duas ou mais partes. Estes contratos são parte importante do negócio e tais acordos precisam ser criados e/ou negociados com cuidado.

Embora as empresas menores geralmente conduzem negócios com base em acordos informais, de confiança, de aperto de mão, é bom evitar estas práticas e o essencial hoje é tudo ser feito em contratos assinados, colocando com clareza as regras que devem ser seguidas por ambas as partes. 

Oferece a cada parte a oportunidade de:

  • Descreva todas as obrigações que se espera que eles cumpram.
  • Descreva todas as obrigações que eles esperam que a outra parte (ou partes) cumpra.
  • Limite quaisquer responsabilidades.
  • Defina parâmetros, como um prazo, em que os termos do contrato serão cumpridos.
  • Defina os termos de uma venda, locação ou aluguel
  • Estabeleça condições de pagamento.
  • Estabeleça claramente todos os riscos e responsabilidades das partes.

Os termos utilizados por contratos padrão ou pré-impressos  levam  muitas vezes as pessoas simplesmente a assinar na linha pontilhada sem ler ou negociar os termos de um contrato. Os empreendedores precisam se certificar de estar confortável com todos os termos e cláusulas do contrato e, dependendo da dinâmica do negócio, quase qualquer termo é negociável.

Todos os contratos que vão ocorrer na vida útil de sua empresa, sejam eles de direitos de propriedade, responsabilidades, riscos ou de qualquer natureza  precisam ser redigidos com cuidado. 

Esteja você iniciando um negócio, ou mesmo já em andamento deve sempre procurar a ajuda de um advogado qualificado com experiência em contratos para garantir que sejam abordadas todas as áreas específicas dos contratos em questão de maneira clara.

23. Pesquise bem sua concorrência antes de iniciar um negócio

Saber os passos dos concorrentes é muito importante. Procure obter todas as informações possíveis pesquisando minuciosamente os mesmos, seus produtos e serviços e mantenha-se sempre atualizado sobre a evolução e aprimoramento desses produtos e anúncios dos seus concorrentes. 

Configurar um alerta do Google para notificá-lo quando novas informações sobre essas empresas aparecerem online, é um excelente caminho.

Algumas perguntas para você responder a si mesmo.

  • Quais são os principais concorrentes da empresa?
  • Qual o crescimento que esses concorrentes obtiveram?
  • Quais são suas vantagens competitivas?
  • Em comparação aos seus concorrentes, como competir em relação a preço, recursos e desempenho?
  • Quais são as barreiras à entrada no seu mercado

24. Antes de iniciar um negócio, contrate um advogado com experiência na área empresarial.

Quando você está começando um negócio, você precisa de orientação de um advogado para as questões empresariais, que regularmente presta serviços na formação e aconselhamento a muitos outros empreendedores. 

Um advogado experiente na área empresarial pode ajudá-lo a:

  • Elaborar contratos com sócios fundadores
  • Preparar os principais acordos para o negócio
  • Guiá-lo através de potenciais problemas de RH e demandas trabalhistas
  • Ajudá-lo a negociar termos com potenciais investidores
  • Limite suas possíveis responsabilidades legais
  • Proteja suas ideias e invenções (por meio de direitos autorais, patentes e acordos de confidencialidade)

Às vezes pode parecer dispendioso e você queira economizar. É um erro que somente vai se dar conta quando houver demandas e a economia de hoje, poderá causar sérios prejuízos amanhã. 

Não negue a si mesmo o conselho e consultoria de advogados experientes que pode ajudar a evitar problemas legais sérios.

Busque informações e obtenha recomendações junto a sua entidade empresarial de classe, ou junto a outros empreendedores e cultive um bom relacionamento com o seu advogado.

25. Se prepare para enfrentar o público

Supere seus medos e treine sua capacidade de se comunicar de forma eficaz, é fundamental para a conquista de seus clientes e inspirar sua equipe.

Busque ajuda especializada de coach de oratória ou de negócios para aprimorar suas habilidades.

Coragem faça do seu negócio o seu caminho para o sucesso.

Aqui no Boxcis você tem um espaço especial para criar a página de negócios de sua empresa. A longa caminhada de desafios em empreender está nos primeiros passos. Conte conosco.

Equipe Boxcis

“Tudo que vendemos é o crescimento de sua empresa”

Boxcis
Author: Boxcis

Compartilhe:

Compartilhe este Post

Você quer mais negócios?

Ei, somos o Boxcis.

Nosso maior propósito é fazer sua empresa crescer!

Você quer isso para você?

Mais negócios na crise

Sobre o Boxcis

O Boxcis é uma plataforma constituída por um diretório de empresas dos segmentos de Comércio, Indústria e Serviços. Tem como base de clientes Associações, Sindicatos, Federações e Confederações Empresariais, que atuam para fortalecer a geração de negócios B2B, B2C, entre os membros participantes dessa grande rede associativista. O Boxcis gera oportunidades para Fabricantes, Fornecedores, Representantes, Importadores, Exportadores e Consumidores para a realização de negócios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A pequena empresa no mundo digital Dicas para melhorar suas habilidades interpessoais 10 dicas para criar interações com clientes A importância das avaliações para sua empresa Dimensionar o negócio tendo em mente o cliente ideal